Poesias Pesadas

Licença Creative Commons
O trabalho Poesias Pesadas de Marcio Jung foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em http://paginadomarcio.blogspot.com.br.

Postagem em destaque

Meus e-books à venda

Aqui estão os links para meus e-books à venda na Saraiva  por R$ 2,99 cada: www.saraiva.com.br/poesias-de-dor-e-de-alegria-de-reflexao-e-d...

sábado, 27 de junho de 2015

Pensamento absorvente

Tenho pensamentos absorventes,
absorventes por serem intensos,
absorventes por serem agradáveis,

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Rola a rua

Rola o rolo,
rola a rua,
rola.

Rala com o ralador,
rapa o resto do tacho,
raspa a rapadura.

O caminho dos pássaros

Encontre a ave que voa, homem!
Encontre a maravilha das maravalhas,
maravalhas em serragem
que servem de ninho para os filhotes,
tão macias que são!

Ninho em um galpão!
Já que as árvores do sítio,
foram todas cortadas,
e os moradores conscientes,
fizeram esse macio ninho para as aves.

Mas só existe um filhote,
pois as aves voaram,
voaram? Sim voaram, pois não existem árvores ao redor,
por isso,
encontre a ave que voa, homem!

De tanto procurarem,
os donos e o homem,
viram que para encontrar a ave que voa,
só uma solução havia: fazer ela voltar,
então plantaram árvores e o homem encontrou a ave que voa!




Ação orquestrada

Mundo que vive o medo,
engole o terror,
vê o pavor.

Ações que envolvem convencimento,
estratégia,
metodologia.

sábado, 6 de junho de 2015

Perigo nas madrugadas

A madrugada está perigosa,
são passos acelerados,
barulho
e pirotecnia,

gatos de orelha em pé,
sobressaltos,
implosão.